você está aqui: Home  → Arquivo de Mensagens

SSH - Instalação Passo a Passo em Ambiente Unix

Colaboração: Daniela Barbetti

Data de Publicação: 18 de Novembro de 1998

Estou incluindo na mensagem de hoje uma documentação bastante detalhada da instalação do programa ssh em ambiente Unix. Esta documentação faz parte do guia do usuário do Centro de Computação da Unicamp, que fica em http://www.ccuec.unicamp.br/ccuec/clientes/guia/

Este documento faz parte do guia do usuário do Centro de Computação da Unicamp e está localizado em http://www.ccuec.unicamp.br/ccuec/clientes/guia/sshunix.html.


Programa SSH (instalação em máquinas unix) 

 Características do SSH

 SSH (Secure Shell) é um programa utilizado para acessar um computador
 remoto. A principal diferença entre o SSH e o TELNET é que no primeiro,
 a conexão é segura com senha criptografada enquanto que no segundo a
 conexão não é segura e sua senha circula pela rede da forma que ela é
 digitada. 

 As suas principais características são: 

     Todas as conexões são criptografadas de forma transparente e
     automática; 

     Protege o DISPLAY das sessões (conexões X11); 

     Pode criptografar outros serviços, por exemplo, ftp, tftp, etc. 

     Protege as conexões contra cavalos de tróia, DNS spoofing, routing
     spoofing, IP spoofing.

 Este programa pretende substituir rlogin, rsh, rcp e a maioria das funções
 do telnet, provendo comunicações mais seguras ( criptografadas ) entre
 duas máquinas. 


 Passos para instalação do SSH em máquinas unix: 

 1) Faça um download do seguinte arquivo: 

     ftp://ftp.unicamp.br/pub/security/tools/ssh/ssh-1.2.26.tar.gz

     Site original: ftp://ftp.cs.hut.fi/pub/ssh

 2) Copie esse arquivo para: /usr/local/security/ssh-1.2.26.tar.gz 

 3) Passos para instalação: 

     Descompactar o software no diretorio /usr/local/security 

     cd /usr/local/security 
     gzip -dc ssh-1.2.26.tar.gz | tar xvf - 

     Mudar para o diretório ssh-1.2.26 

     cd ssh-1.2.26 

     Configurar o ssh para instalação: 

     ./configure 

     Compilar utilizando o comando make 

     Instalar utilizando o comando make install

 4) Ativação: 

 Colocar no startup da máquina:

     Solaris: 

     1) Criar o arquivo /etc/rc3.d/S99rc.local 

     #!/sbin/sh 
     # /etc/init.d/rc.local - to be linked into /etc/rc3.d as 
     # S99rc.local -- a place to hang local startup stuff. 
     # started after everything else when going multi-user. 

     # Ian Darwin, Toronto, November, 1992 
     # As with all system changes, use at own risk! 

     case "$1" in 
     'start') 
         echo "Starting SSH daemon...\c" 
         if [ -f /usr/local/sbin/sshd ]; then 
         /usr/local/sbin/sshd 
         fi 
         echo "" 
         ;; 
     'stop') 
         echo "$0: Not stopping any services." 
         ;; 
         *) 
         echo Üsage: $0 { start | stop }" 
         ;; 
     esac 

     2) Mudar a permissão do arquivo /etc/rc3.d/S99rc.local 

         chmod 755 /etc/rc3.d/S99rc.local 

     AIX: 

     1) Incluir no arquivo /etc/inittab a linha abaixo: 

         rcssh:2:wait:/etc/rc.ssh > /dev/console 2>&1 # Start SSH
         Daemons

     2) Criar o arquivo /etc/rc.ssh 

         #Startup do SSH 
         echo 'Startando SSH' 
         /usr/local/sbin/sshd 

     3) Mudar a permissão do arquivo /etc/rc.ssh 

         chmod 755 /etc/rc.ssh 

     FreeBSD 

     1) Incluir no arquivo /etc/rc.local: 

         echo -n 'starting local daemons:' 
         echo -n 'sshd' 
         /usr/local/sbin/sshd 

     2) Mudar a permissão do arquivo /etc/rc.local 

         chmod 755 /etc/rc.local 


Veja a relação completa dos artigos de Daniela Barbetti