De acordo com as Leis 12.965/2014 e 13.709/2018, que regulam o uso da Internet e o tratamento de dados pessoais no Brasil, ao me inscrever na newsletter do portal DICAS-L, autorizo o envio de notificações por e-mail ou outros meios e declaro estar ciente e concordar com seus Termos de Uso e Política de Privacidade.


Gnu Linux x NT

Colaboração: Rubens Queiroz de Almeida

Data de Publicação: 14 de Junho de 1999

Ainda com relação ao desempenho Linux e NT para transferência de arquivos via FTP, eu recebi uma mensagem interessante do Arnaldo Mandel, da USP.

Ele sugeriu que o arquivo transferido, no Linux, seja gravado no arquivo /dev/null, que na verdade é um buraco negro do Unix, ou seja, nada é gravado. Desta forma, o tempo de transferência não sofre o impacto do I/O e podemos ter uma boa idéia de quanto tempo efetivamente foi gasto apenas no trânsito dos dados via rede.

Eu fiz este teste apenas no Linux pois não conheço uma forma de realizar um teste semelhante no Windows NT.

Em cinco transferências, obtive os seguintes resultados:

19529038 bytes received in 18.8 secs (1e+03 Kbytes/sec)
19529038 bytes received in 18.9 secs (1e+03 Kbytes/sec)
19529038 bytes received in 18.7 secs (1e+03 Kbytes/sec)
19529038 bytes received in 18.7 secs (1e+03 Kbytes/sec)
19529038 bytes received in 18.8 secs (1e+03 Kbytes/sec)

Sem a gravação em disco, a média do tempo de transferência baixou de 29,51 para 18,78 segundos. A taxa de transferência subiu de 664,60 para 1000 kbytes/segundo.



Veja a relação completa dos artigos de Rubens Queiroz de Almeida