você está aqui: Home  → Colunistas  →  Coluna do Cesar Brod

Certificação ou não, eis a questão...

Por Cesar Brod

Data de Publicação: 14 de Janeiro de 2010

A resposta simples para tal questão é SIM. A certificação séria é geradora de renda e impulsiona o desenvolvimento. Muitas empresas de software proprietário e algumas em software livre já possuem processos de certificação em seus produtos e serviços, além do excelente exemplo do LPI - Linux Professional Institute, organização sem fins lucrativos que certifica profissionais Linux através de provas de baixo custo. E ainda é pouco!

Neste dia 13 de janeiro Dries Buytaert, criador do Drupal, postou em seu blog: Precisamos mais Drupalistas. Ele diz que a falta de profissionais treinados está, de fato, atrasando a adoção do Drupal nas empresas e vê oportunidades de negócios para a capacitação e certificação por uma série de razões:

  • o crescimento do Drupal está fazendo com que as empresas lutem para encontrar o talento necessário para a implantação do sistema;
  • as próprias empresas que estão adotando o Drupal são clientes em potencial para adquirir treinamento (eu não me surpreenderia em ver a IBM, Accenture e outras oferecendo cursos de Drupal para seus próprios clientes);
  • serviços de treinamento podem ser mais escaláveis e lucrativos que serviços de consultoria;
  • há uma enorme disparidade entre os que são capazes de montar sites com o Drupal e os que realmente entendem os conceitos e princípios do código. Em algum momento, o mercado perceberá o valor em programas de certificação no Drupal.

Do lado de quem contrata serviços é sempre mais fácil confiar em alguém que possua uma certificação reconhecida pelo mercado do que "testar" um profissional que pode, ou não, ser competente.

Agora, certificação não é, em si, atestado ou substituto de competência e histórico profissional. Quem de nós nunca teve aquele colega que era o máximo em provas e um zero em execução? O profissional (ou empresa) que consegue apresentar um bom currículo, com boas referências também não deveria ser preterido pela exigência de uma certificação formal.

Defendo a certificação especialmente na forma geradora de negócios e impulsionadora de desenvolvimento, como o Dries. Também a defendo como um componente importante na formação de currículo (neste caso, tão mais importante quanto mais novo o currículo).

Grande abraço pro Rodolfo Gobbi, pro Marcelo Marques e pra todo o pessoal que faz da LPI no Brasil uma certificação séria!

Cesar Brod ministra cursos in-house adequados à necessidade de sua empresa, além de atuar como coach de equipes ágeis. Visite nosso portal para saber mais ou entre em contato diretamente com o autor para mais informações.

Sobre o autor

Cesar Brod é empresário e consultor nos temas de inovação tecnológica, tecnologias livres, dados abertos e empreendedorismo. Sua empresa, a BrodTec, faz também trabalhos tradução e produção de conteúdo em inglês e português. Além de sua coluna, Cesar também contribui com dicas para o Dicas-L e mantém um blog com aleatoriedades e ousadias literárias. Você pode entrar em contato com ele através do formulário na página da BrodTec, onde você pode saber mais sobre os projetos da empresa.

Mais sobre o Cesar Brod: [ Linkedin ] | [ Twitter ] | [ Tumblr ].


Para se manter atualizado sobre as novidades desta coluna, consulte sempre o newsfeed RSS

Para saber mais sobre RSS, leia o artigo O Padrão RSS - A luz no fim do túnel.

Recomende este artigo nas redes sociais

 

 

Veja a relação completa dos artigos de Cesar Brod

  • Currently 3.21/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Avaliação: 3.2 /5 (70 votos)