Correção ortográfica em português brasileiro

Colaboração: Paulo Eduardo Neves

Data de Publicação: 27 de Agosto de 1998

O programa ispell e' um programa multiligual de correção ortográfica. Algumas das vantagens:

  1. Roda em Unix
  2. Corrige textos em LaTeX (ótimo para quem está escrevendo tese!)
  3. Você pode ter um dicionario pessoal com seus próprios termos

Apesar do vocabulário ainda pequeno a correção funciona bem e as sugestões de palavras para substituir costumam ser bastante boas (melhores que aquelas horríveis do Word).

Ele pode ser baixado a partir da URL: http://fmg-www.cs.ucla.edu/geoff/ispell.html

O dicionario de português brasileiro foi feito pelo Ricardo Ueda da USP e pode ser baixado do endereço http://www.ime.usp.br/~ueda/br.ispell/

O dicionario ainda está em construção. Seria legal depois de algum tempo de uso que as pessoas enviassem suas listas de palavras para que o autor do dicionario integrasse em uma nova versão.

 

 

Veja a relação completa dos artigos de Paulo Eduardo Neves

Avalie esta dica

  • Currently 2.96/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Avaliação: 3.0 /5 (2586 votos)

Opinião dos Leitores

juju
18 Mai 2011, 17:34
ao ezercutar-mos qualquer atividade,se de fato quisermos obiter bons resultado devemos conciderar que nada é tão urjente que não poça ser pranejado.Improvisa faiz com que nossas ações depende da sorte e não de nossa copetência
Fernanda
25 Jan 2011, 14:25
Uma mensagem a todos os brasileiros que precisam usar o Consulado Geral do Brasil em Nova York, denunciem porque e uma verdadeira vergonha, eles nao estam la pra ajudar a vida do Brasileiro que mora fora do Brasil mas sim pra dificultar , quem tem poder pra mudar isso sera?
Nazareno Silva
31 Out 2010, 16:59

Sou micro empresário.
Operamos no seguimento da eletrônica, com Sistemas de Segurança. Gostaria de interagir com as pessoas ligadas ao Site.

MANDO UM ABRAÇO COLETIVO: A TODOS.


Nazareno Silva.

DATA 31 DE OUTUBRO DE 2010



edilene
20 Set 2010, 13:05
A tecnologia vem invadindo bruscamente todas as áreas da sociedade humana.
O avanço é rápido é assustador, para muitas pessoas que ao longo vem se deparando com ela. O que pensarmos sobre essa evolução? Será que todo esse avanço é para nos beneficiar? Ficamos todos deslumbrados que esquecemos suas consequências. Por exemplo, um o homem humilde, desprovido de qualquer a acumulo de riqueza, vivendo em uma sociedade na qual a tecnologia tem dominando, já não consegue mais, cumprir com sua responsabilidade perante a família, suas experiências de uma vida passada não, lhe basta mais.
Todas essas mudanças vêm tirando empregos, causando danos ao meio ambiente e muitas vezes, passando por cima da conduta humana. A tecnologia aplicada de forma incorreta, em um sistema dependente de riqueza, perder o significado ético. Por outro lado, o avanço tecnológico tem melhorado a qualidade de vida, diminuindo a dor corporal, os esforços físicos, facilitando o aprendizado, reduzindo á distância. Esse avanço implantando adequadamente pode nos gerar grandes benefícios, diante da evolução. Em uma nação organizada, essa expansão deve ser feita sob o controle da humanidade, sendo assim uma atitude de ética, dessa maneira, o profissional da engenharia, passa desenvolver melhor seu trabalho, em um controle de qualidade. O engenheiro e o profissional da modernidade. A engenharia nasceu a partir da Revolução Indústrias, através de evidências, podemos, dizer que essa profissão vem sendo exercida há milhares de anos. Um bom exemplo de que, a engenharia realmente já existia há muito tempo e Leonardo da Vinci, ele foi chamado de artista é inventor, suas obras foram magníficas que realmente merecem ser classificadas como a de um grande engenheiro. Mas, para compreendermos melhor, qual é o papel do engenheiro na modernidade social, precisaremos entender o significado dessa palavra.
Fazendo referência a três grandes cientistas: Durkheim, Marx e weber. Temos os seguintes conceitos: Durkhein via a modernidade como a industrialização é divisão dos trabalhos, onde cada um em uma sociedade, exercer uma função. Pensamos em um operador de produção é nas divisões técnicas do seu trabalho, as atividades passam a ser divididas de forma que cada operador, realizar uma etapa da operação, assim, se especializando em uma parcela das funções, para a eficiência do produto final.
Agora, de acordo com Marx, o modelo é capitalista, uma busca pelo lucro, de modo que o lucro e obtido pela exploração do trabalho humano. Porém, de certa maneira, o capitalismo nos mostra que analisa as necessidades é consequências da introdução de um determinado equipamento, no mercado. Analisando seus impactos com o meio ambiente é até outros efeitos, que possam ser causados à sociedade. Essas mudanças estão voltadas apenas para a sobrevivência das organizações da tecnologia. Passa operar com um sistema cultural, que estabiliza tudo a sua volta. Na visão de weber, modernidade, uma racionalização, a ideia de organização é produtividade. A ação racional é complexa, basicamente o que leva ao objetivo final sem levar em consideração, se de fato, é o mais adequado. Uma forma de desenvolvimento no qual os efeitos sociais de tecnologia deixam de ser examinados.
Com base nessa ideia de modernidade, observamos que a Engenharia está ligada a essas origens: divisão de trabalho, racionalismo, modo capitalista.
Concluindo, todo esse avanço tecnológico, faz parte da vida profissional do engenheiro.
O engenheiro de produção, não e apenas um criador de máquinas, e também um administrador. Grandes corporações estão investindo, nesses profissionais para mante-los entre seus principais administradores. Essa profissão é ligada a uma cadeia de objetos que coloca as corporações juntamente com a sociedade, de modo que seria a única a ser beneficiar das ações. O motivo que nos leva pensar, nessa formação.
Portanto, o engenheiro tem como seu principal objetivo, visar o lucro da sociedade, de uma forma preventiva, evitando possíveis danos ao meio ambiente, economia, é o mais importante a vida da sociedade, que esta vivendo em conjunto com esse grande avanço tecnológico.

Naiara
23 Ago 2010, 10:04
ao abrir a livraria,a primeira coisa que devo fazer é conferir o dinheiro e anotar no livro caixa .Depois anoto os livros que venderam no dia anteriorna relaçao de vendas.ao vender anoto nas guias e no mapa de vendas.
quanda estar faltando livros é da mnha responsabilidade defazera relação de dedidos para a editora Editus.
Faço o inventária na livraria uma vez por mês.Quando tem eventos as vezes eu devo ir.
Keyla
29 Jul 2010, 10:10
Oii!
meu nome e Keyla, lir a entrevista do Walcyr e fiquei interesada e gostaria de tentar a chance. Podem me ajudar ?
*Nome:
Email:
Me notifique sobre novos comentários nessa página
Oculte meu email
*Texto:
 
  Para publicar seu comentário, digite o código contido na imagem acima
 


Powered by Scriptsmill Comments Script