você está aqui: Home  → Arquivo de Mensagens Programe sua mente para aprender inglês - ebook gratuito

Confira algumas das principais diferenças entre Windows e Linux

Colaboração: Vagner Antony Carvalho.

Data de Publicação: 30 de abril de 2014

Os dois principais sistemas operacionais do mercado são o Windows e o Linux. A maioria dos usuários já se adaptaram ao uso do Windows em seus respectivos computadores, isso porque a Microsoft vem trilhando no mercado de sistemas operacionais desde 1985.

Além de ser pago, o Windows é um sistema completamente codificado para que nenhuma pessoa possa editá-lo. Já o Linux, que foi desenvolvido pelo finlandês Linus Torvalds, possui uma proposta diferente.

Esse sistema operacional possui o código fonte totalmente aberto, para que qualquer pessoa possa modificá-lo na hora que bem entender. Além de tudo, o sistema operacional Linux possui licença gratuita, ou seja, ele não é pago.

Vamos mostrar mais abaixo, algumas das principais características entre o Linux e o Windows. Iremos destacar as suas principais características, e os seus respectivos pontos fracos, para assim você poder entender um pouco mais sobre cada um. licença de uso

Essa é uma das partes mais polêmicas desses dois sistemas operacionais, pois, o Linux é totalmente aberto sobre a *GPL, *ou seja, você é livre para modificá-lo a qualquer momento, adicionar ou remover qualquer aplicação, modificá-las ou até mesmo, criar as suas próprias aplicações.

Com o Windows a história é diferente, se você adquirir uma licença do sistema operacional, você só poderá usá-la apenas no computador que você instalou o sistema operacional, se você fizer o contrário, estará violando os termos de uso da Microsoft.

Por causa desse e outros motivos, o Windows é um sistema muito estudado por hackers, e é o principal alvo deles. Além disso, uma grande maioria dos computadores que usam o S.O da Microsoft, não possuem uma licença legal para operar em suas máquinas. Código fonte

Esse é um fator que já foi antecipado anteriormente, mas devemos ressaltar esse fato que é muito importante para podermos entender um pouco mais as principais características e diferenças do Windows e Linux.

O Linux é totalmente aberto para ser modificado, na opinião de muitos usuários na internet, esse sistema operacional veio para tentar desbancar a dependência mundial no Windows, sendo que os termos da Microsoft não são bem atrativos.

Desde as suas primeiras versões, o Windows não permite a modificação de seu código fonte. Na verdade, é possível sim você modificar esse sistema, mas uma pessoa só não consiguirá modificá-lo, e se fizer, mais uma vez estará violando os termos da Microsoft. Suporte técnico

Quando surge uma dúvida sobre o uso de alguma funcionalidade, o ideal é procurar mais informações na internet, existem os forums de ajuda que são muito referenciados. Para o Linux, esses forums são bem elaborados, e na real, é muito difícil você fazer alguma pergunta e não ser respondido.

Além dos forums, há a possibilidade de contratar alguma empresa especializada no suporte técnico para o sistema operacional. Dessa forma, você poderá sanar as suas dúvidas da melhor maneira possível, e tendo obviamente, um retorno mais rápido.

Para o Windows a história não se diferencia, pois há no próprio site da Microsoft, um forum especializado, na qual os usuários poderão fazer e responder a diversas dúvidas dos usuários.

A Microsoft disponibiliza também o suporte técnico, mas é claro, você terá que pagar por este serviço, assim como o suporte técnico online para Linux. Ou seja, neste quesito, o Linux e o Windows não se destacam entre si. Instalação de aplicativos

Por incrível que pareça, o Linux possui um sistema de instalação de aplicações bem mais fácil que o Windows. Estamos falando dos gerenciadores de pacotes, estes que são uma espécie de ambiente capaz de procurar qualquer aplicação sem ter que consultar a internet, ou até mesmo desinstalar um softwere.

Já no Windows a conversa é diferente, para poder ter acesso a um determinado programa, você terá que pesquisá-lo na internet, baixá-lo, executá-lo, às vezes estes programas vem com outro softweres que são instalados sem a sua permissão e causam grandes problemas.

Ou se você tiver um cd com o executável do softwere, você poderá iseri-lo no driver de DVD, e fazer fazer a instalação. Com isso, dá pra perceber que o Linux oferece mais vantagem e facilidade na hora de instalar alguma aplicação. Segurança

Para muitos, o Linux é exageradamente mais seguro que o Windows, talvez um dos fatos mais explicativos para isso, é o fato dos vírus, malwares, e todo tipo de praga virtual, serem desenvolvidos mais para o Windows.

Esse já é um motivo suficiente para a maioria dos usuários aderirem ao Linux, o mais curioso de tudo, é que os hackers usam ferramentas do próprio Linux, para poderem atacar computadores com sistemas Windows, ou até mesmo desenvolverem aplicações maléficas para Windows.

Isso mostra que além ser mais seguro, o Linux é muito mais poderoso. Agora tentando explicar o porque que a maioria dos usuários ainda preferem Windows, podemos destacar o seguinte: a maioria dos softweres do mercado, são desenvolvidos para Windows, sendo assim, que a compatibilidade dos mesmos para Linux fica impossível.

Então esse leque de opções de softweres, fazem do Windows, um sistema operacional muito mais usado, mesmo apesar de ser o sistema de computador mais apreciado para ataques hackers, e que apresenta mais fragilidade para interceptá-los, os usuários ainda preferem usá-lo.

Via: O Notebook <http://onotebook.com.br/>



Veja a relação completa dos artigos de Vagner Antony Carvalho.