Acesso direto ao conteúdo

você está aqui: Home  → Agenda Livre

Librem 5: apoie a campanha para desenvolvimento de um celular livre!

Colaboração: Leonardo Barichello

Data de Publicação: 03 de Outubro de 2017

A empresa Purism (https://puri.sm), criadora de uma série de notebooks (rodando GNU/Linux) focados em segurança e privacidade lançou uma campanha de financiamento coletivo para alavancar seu projeto de um celular livre (https://puri.sm/shop/librem-5/).

Comparações com a empreitada da Canonical para lançar um aparelho com Ubuntu Touch são inevitáveis. Então vamos a elas:

  1. A campanha da Canonical foi a que arrecadou maior verba na história do financiamento coletivo, mas não conseguiu atingir os 32 milhões estipulados por eles. A Purism estabeleceu 1,5 milhões como meta e quando escrevi este texto já havia atingido a metade.

  2. Muitas pessoas questionam o quanto o Ubuntu respeita os preceitos do software livre e questões semelhantes recaíram sobre o projeto de celular. Já a Purism tem como meta obter o selo de aprovação da Free Software Foundation (resta apenas uma pendência para que isso seja possível).

  3. O celular da Canonical rodaria Ubuntu, um sistema que às vezes parece tomar decisões de forma centralizada e desconectada com a comunidade Linux mais ampla (vide adoção do Unity). A proposta da Purism é a utilização de uma distribuição GNU/Linux desenvolvida por eles e aberta para interação com outras distribuições. Inclusive, eles estão com uma postura agnóstica em relação a ambiente gráfico e já anunciaram parcerias com Gnome e Plasma.

É possível encontrar entrevistas com o CEO da Purism no Youtube e ele passa a impressão de que esse celular, caso saia do papel, poderá servir como base para que a comunidade Linux finalmente tenha acesso ao universo mobile.

Os preços podem parecer um pouco salgados para a realidade brasileira, mas não tanto assim quando consideramos o preço de um celular de ponta atual. Além disso, há opções para contribuir com valores menores (sem retribuição).

Doando ou não, acredito que esse seja um projeto que vale a pena apoiar, pelo menos divulgando por aí.

Leonardo Barichello é Doutorando em Educação pela Universidade de Nottingham

 

 

Programação de eventos

[2016] [2015] [2014] [ 2013] [2012] [2011] [2010] [ 2009] [2008]