Acesso direto ao conteúdo
Visite também: Ipok ·  Segurança Linux ·  UnderLinux ·  VivaOLinux ·  LinuxSecurity ·  NoticiasLinux ·  BR-Linux ·  SoftwareLivre.org ·  [mais]   
 

 

Conversação em inglês

Por Rubens Queiroz de Almeida

Data de Publicação: 10 de Agosto de 2009

Para toda situação, existe o ideal e o possível. O ideal é ter diversas horas de aula por semana, com um professor(a) que seja culto(a), inteligente, que fale e, mais importante, deixe você falar.

Esta situação ideal é bem difícil de se conseguir. Talvez você não tenha este tempo todo. Se tiver o tempo, talvez não tenha o dinheiro para pagar pelas aulas de alguém tão qualificado, que ministre aulas agradáveis e produtivas. O problema é que muita gente, por não poder ter a situação ideal, acaba desistindo e não faz nada.

Mas não precisamos ser tão radicais. Dá para ter ótimos resultados com estratégias alternativas, ao alcance de qualquer pessoa. Mas antes de passar para as estratégias, eu vou falar um pouco do que deve ser evitado a todo custo.

O primeiro, corra de professores que te corrigem o tempo inteiro. O aprendizado de qualquer coisa passa por quatro etapas: 1) falar errado sem saber que está errado; 2) falar errado e saber que está errado logo depois que falou; 3) falar certo, mas não com as melhores palavras; 4) falar certo, com as palavras certas. O ideal é começar pela etapa 4, mas a má notícia é que ninguém chega na etapa 4 sem passar pelas etapas 1, 2 e 3.

Em segundo lugar, se a aula é de conversação, fuja de professores que falam o tempo todo e não deixam espaço para mais ninguém. Você só vai aprender a falar falando (falar errado também conta). Eu até abro uma exceção para este tipo de professores, se eles ou elas forem fascinantes, inteligentes e tiverem muita coisa para contar. Eu já tive um professor assim e é fascinante ouvir quem tem algo a dizer. Mas em geral isto não dá certo...

Vamos então começar pela etapa 1. Se voce erra e não sabe que errou, nesta fase de seu aprendizado você não precisa de um professor o tempo inteiro. Você pode conversar com alguém tão principiante quanto você. Nesta fase, você precisa apenas falar, o mais que puder, sem parar, e sem ter ninguém para ficar te corrigindo e impedindo o fluxo de suas idéias. Se o seu parceiro também não sabe nada, você não vai ter vergonha de falar, certo?

O ideal seria você ter, em paralelo, aulas com um professor. Nos primeiros níveis, uma hora ou duas por semana, já são suficientes. Esta uma ou duas horas, você pode complementar conversando com um amigo que tenha conhecimento equivalente ao seu. Conversar com alguém que sabe muito mais do que você pode ser desencorajador, pois você via ficar se cobrando o mesmo nível de conhecimento. Se você não conseguir ninguém para praticar, também vale falar sozinho. Mas não deixe os outros te verem pois pode complicar a sua vida :-) Enfim, falar, falar, falar, sem mêdo de errar e sem mêdo de ser feliz!

Mas falar não é uma habilidade que se desenvolve independentemente. Falar errado é uma parte importante do processo e você vai se corrigir, gradualmente, expondo-se ao inglês falado corretamente. Isto se consegue através de livros, das séries de televisão, revistas em quadrinhos, etc. O material deve ser de sua escolha e você deve gostar muito dele. Gradualmente você irá incorporando à sua fala as frases e situações com as quais teve contato a partir destes meios alternativos.

Este processo de desenvolvimento da fala se dá em paralelo com o desenvolvimento das habilidades de leitura e audição. A leitura é fácil de se desenvolver e você pode carregar os livros para onde quiser e aproveitar as janelinhas de tempo que se abrem durante o seu dia. Para desenvolver a audição podemos contar com os aparelhos de áudio portáteis, onde você pode gravar o material que quer ouvir.

Fica até difícil definir o que deve ser feito primeiro. O processo de desenvolvimento da habilidade de falar em um idioma estrangeiro é complexo para se entender, mas simples de se desenvolver, desde que abandonemos os nossos preconceitos e compreendamos o seu processo. Você vai passar por uma fase em que vai achar que não está progredindo, que quanto mais estuda menos aprende, e por aí vai. Mas se você buscar associar este estudo a coisas que lhe dão prazer, você vai chegar lá.

Para encerrar, um video do Youtube sensacional, que resume tudo o que eu disse neste texto. Enjoy! :-)

Leia também os outros artigos sobre este tópico

 

 

Veja a relação completa dos artigos da coluna 10 Anos

Formato PDF
Newsfeed RSS
Formato para impressão
PDF RSS Imprimir
  • Currently 3.02/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Avaliação: 3.0 /5 (289 votos)


Para se manter atualizado sobre as novidades desta coluna, consulte sempre o newsfeed RSS

10 Anos de Dicas-L

Para saber mais sobre RSS, leia o artigo O Padrão RSS - A luz no fim do túnel.

Opinião dos Leitores

Syl
11 Abr 2013, 09:48
Todos seus artigos se encaixam perfeitamente na situação que estou vivenciando agora...eu os encontrei quando estava procurando na internet uma forma de estudar inglês através de seriados.

Muuuuuuuuuuito Obrigado por todas suas dicas
De Assis do Nasciemnto
03 Abr 2011, 00:09
Congratulations for you. A big thumbs up for this blog. I liked very much all the contents. it helped me a lot. I have a blog dedicated to English teaching. There are many things.Please go and see it: blogsissaydy.blogspot. com
It's marvelous! amazing!!!!!
Leo
06 Set 2009, 12:56
This movie it's very funny!
Really it's this that happen in our learning.

I'm reading books for my self-development.
These books are very easy to understand, because have levels (stages) 1 to 6.
You can to find these books at bookstores.

http://www.goodreads.com/author/show/87104.Tim_Vicary

Good read.
Danilo
15 Ago 2009, 11:07
Thank you Felipe, for your atention about my request! I'll try do it!
Malba
14 Ago 2009, 17:12
Fantástico! amei o vídeo!!
Felipe Tagore
14 Ago 2009, 08:12
Really nice,

I would say if you want to develop and acquire knowledge on conversation you can pratice speaking alone, but loud. It will help you to develop your pronunce, your listen and also your mind.

Congratulation for the tips!

Hugs!
Danilo
13 Ago 2009, 17:47
Muito legal!!
That's nice!
I've studied very much by myself, but i don't find any option to speak and improve my conversation level. So i developed more the writting than my conversation, and it isn't good for me!
Finally, i'll try to walk with all the habilities together! Only in this way i'll rise and be a fluent level.
Tânia Maria
12 Ago 2009, 10:15
Adorei o vídeo...... rsrsrs
E suas dicas estão me ajudando muito no aprendizado da língua inglesa. Parabéns pela iniciativa e paciência!
Tânia
12 Ago 2009, 09:14
AMEI o vídeo. É bem por aí mesmo! Falar, falar, falar... mas o ideal mesmo não é falar corretamente, mas ser compreendido, passar a mensagem... falar gramaticalmente de forma correta, só acontecerá com anos de estudo e prática, talvez mais prática, porque nem os nativos falam corretamente, não é?
abraços.
Max Moura
11 Ago 2009, 21:22
Suas dicas são muito boas... E na verdade, algumas delas eu uso pra outras coisas que eu esteja aprendendo também.

Obrigado por elas!
Fred
11 Ago 2009, 20:56
Sensacional este artigo, você conseguiu traduzir bem nosso ciclo de aprendizagem, gostaria que você me indicasse algumas histórias em quadrinhos em inglês para iniciantes. obrigado
*Nome:
Email:
Me notifique sobre novos comentários nessa página
Oculte meu email
*Texto:
 
  Para publicar seu comentário, digite o código contido na imagem acima
 


Powered by Scriptsmill Comments Script

 

jQuery - A Biblioteca do Programador JavaScript - 3ª Edição